Olha eu...

Frescos e fofos

De raspão

Dahhh!!!

Pois é....

Regressos

Escuteirices

Teresa

E se eu voltasse a ser me...

As princesas certinhas e ...

Dahhhh...

Para quem pode

Memórias

Outubro 2013

Fevereiro 2013

Outubro 2012

Setembro 2012

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

tags

todas as tags

Domingo, 21 de Outubro de 2007

Dentes & Fadas Lda

Hoje caiu o primeiro dente ao Piolhito!!!

Estávamos em Guimarães. Foi o primeiro sítio onde o levámos. Tinha ele 12 dias. Só lá voltámos hoje... e caiu-lhe um dente. Até comentei na brincadeira que, vai na volta, ainda casa em Guimarães.

Já andava a abanar há algum tempo, as ameaças eram mais que muitas mas só hoje caiu... de maduro mesmo! Nem uma gotinha de sangue... nada (e ainda bem!).

-Oh mãe... agora guardas-me o dente.

-Sim, dá cá.

-Oh maaããeee.....

-Sim..

-Quando tu eras pequenina também te caíram os dentes?

- Cairam todinhos.

- E o que é que a avó lhes fez?

Agora sim... o que é que a avó lhes fez? Sei lá! Eh pá não sei mesmo. Havia amigas minhas que andavam com os dentes nas pulseiras, nos fios, nos brincos, todos eles com umas carapucinhas de ouro. Mas eu nunca andei. Tambem o meu fio de ouro desapareceu misteriosamente numa lavandaria e só foi substituido anos mais tarde. Não faço a mínima ideia de que destino terão tido os meus dentes. Provavelmente foram parar ao aterro... Aterro... Lixeira! Quando eu era miuda lá havia aterros? Mas é um final muito pouco digno para algo tão importante para o miúdo. Optei por omitir.

-Não sei. Se calhar andam lá por casa (boa! Em casa da minha mãe há dentes espalhados pelas gavetas... lindo cenário!)

- E o que vais fazer ao meu?

- Ao teu? (agora sim... sei lá! É que não sei mesmo. O que é que se faz a dentes que não fazem falta?) Olha vou vendelo a um dentista para fazer dentaduras novas!

- Mas ó mãe... se eu puser o dente... blá blá blá... vem uma fada... blá blá blá... e há um presente!

- Eu não conheço fada nenhuma!

 

E não conheço mesmo! Já ouvi falar em fadas dos dentes mas não faço a minima ideia de como é "a cena". Mas cheira-me a que me vai entrar nos bolsos.  Multiplicado pelos vinte dentes que ele tem... já vai ficar numa importancia jeitosa..

Alguem sabe que história é esta de "Fada dos Dentes"?

É que ando ali na carteira com um dente incisivo de leite e não sei que lhe faça... 

Tou...: Mãe de um desdentadinho lindoo


2 comentários:
De daplanicie a 22 de Outubro de 2007 às 12:41
Esta tradição vem da américa (claro!!) e consiste nos facto de os miúdos à noite porem o dentinho debaixo da almofada e quando eles estão a dormir a mamã ia, tira o dente e põenfdp8 uma moeda. Por acaso também cumpri essa tradição com os meus 3 filhos mas como achava uma moeda uma coisa muito impessoal colocava sempre uma lembrancinha e eles adoravam. Era um entusiasmo para ver quando os dentes caíam. Que saudades!!!


De Migas a 23 de Outubro de 2007 às 13:52
Obrigada!
Lá vou eu ver que lembrancinha lhe vou deixar na almofada.


Comentar post

Outubro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


Cuscar e espiolhar