Olha eu...

Frescos e fofos

De raspão

Dahhh!!!

Pois é....

Regressos

Escuteirices

Teresa

E se eu voltasse a ser me...

As princesas certinhas e ...

Dahhhh...

Para quem pode

Memórias

Outubro 2013

Fevereiro 2013

Outubro 2012

Setembro 2012

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

tags

todas as tags

Quarta-feira, 12 de Março de 2008

Se não fosse sério tinha graça

O meu pai iniciou ontem a quimio.

Confesso que estávamos todos apreensivos. Os cenários que nos tinham pintado incluiam muitas náuseas, vómitos, mal-estar, fraqueza...

Felizmente o meu pai está muito bem. Nada de efeitos secundários. Está a tomar comprimidos que fazem parte do tratamento e só vai ao hospital de 3 em 3 semanas, o que lhe permite levar uma vida normal.

Para terem uma ideia, enquanto a quimio corria ele esteve ao telefone a tratar de negócios mais de metade do tempo e na outra metade a ler o jornal!

 

No serviço estavam duas enfermeiras, uma mais velha, outra mais novita... mas nenhuma era estagiária!

Puseram o soro a correr, tudo correu bem até quase ao fim quando o meu pai começou a queixar-se de dores na mão. A mais nova foi lá ver, mexeu e remexeu no soro, e concluiu que estava tudo bem. Aumentou a velocidade do soro. E as dores aumentaram.

 

2ª tentativa de diminuir as dores.

Enfª- Não isto está tudo bem. Eu vou ali buscar gelo.

E pôs-lhe gelo na mão

 

Chega a 2ª enfª, a mais velha, olhou para o meu pai e disse à minha mãe

-Então a minha colega já lhe disse o que não pode fazer?

- Não, não nos disse nada.

- Então o Sr. não pode mexer em nada gelado, não pode lavar as mãos com água fria, não pode beber nada gelado, não pode comer gelados. Nada de coisas frias.

 

Lembram-se o que e que o meu pai tinha em cima da mão? E quem é que lá o pôs?

 

As dores continuaram. A minha mãe levantou a hipótese de lhe dar um comprimido.

 

1ª Enfª- Pode dar. Um Ben u ron se tiver. Nós aqui não temos... (boa! Não há analgésicos num hospital. Ou seria preguicite da enf que não o quis ir buscar?)

A minha mãe tinha o comprimido na carteira. E água? Onde havia? Na máquina do serviço, ali ao canto.

Certo... adivinhem o que saia da máquina... certo!!!!  Água gelada, que os doentes não podem beber!

 

E quando a minha mãe perguntou que medicamento tinha sido administrado ao meu pai a  parva da enfermeira só respondeu:

-Ah... isto é um medicamento quimico que há aqui no hospital.

(como se houvesse perfusões endovenosas de chá !!! )

 

Santa ignorância! Ou será que é santa incompetência?!?

 

 

Tou...: Será para rir ou para chorar


Terça-feira, 11 de Março de 2008

Prendas sem laçarote

As amigas nofimdoarcoiris e mudeidevida deram-me esta prendinha.

Receber prendinhas sabe sempre bem.

E como eu tenho uma cabecinha de vento, antes que me esqueça

 

Tchanan!!!

 

 

E agora as minhas 10 nomeadas (sem links devido unicamente à preguiça).

 

- Daplanicie

- Estupefacta

- NicasS

- Guguinha

- Procuro-me

- Lua de sol

- Bunny

- Mariaalentejana

- Bunny

- Thathys

 

Porquê?

 

Porque sim. Porque só quem não as conhece pode perguntar porquê!

 

 (Eh pá! A sério Sapo! Bolas pá! Explica-me como é que eu faço para aparecerem imagens que não sejam uma cruz vermelha no canto superior esquerdo da janela.

Tás a brincar é? Sabias que no Alentejo se comem perninhas de rã... e vai na volta de sapo também ?)

Tou...: Muito lisongeada (?!?)
tags:


Sábado, 8 de Março de 2008

Porque sim

Porque hoje é o nosso dia.

Porque todas merecemos uma serenata.

Porque o senhor não é nada de se deitar fora (eu acho p'aí desde os 15 anos).

Porque todas merecemos ter alguem que nos trate assim!

 

Um miminho para todas as MULHERES que por aqui passarem

 

 

Tou...: Mulher


Desafio IV ou a vã tentativa de responder à amiga Estupefacta

A minha amiga Estupefacta deixou-me este desafio no seu blog, e antes que seja tarde e já que aqui estamos...

 

O OBJECTIVO DESTE BLOG É

Este blog foi criado em cima do joelho, num sábado em que estava a trabalhar, e não tinha muito que fazer.

Nunca tinha andado na "blogosfera" até que um GRANDEEEE amigo meu me enviou um mail onde só estava escrito um link e a frase "és a primeira com quem o partilho". Li o blog dele de fio a pavio, fui andando aqui e ali... gostei muito de um blog de uma mãe que infelizmente deixou de escrever... inspirei-me, entusiasmei-me e criei também um para mim!

Sinceramente nunca pensei que fosse tão fácil escolher cores, fundos, letras e o resto da traquitanada toda!

Depois nunca pensei que tivesse pessoas que lessem o que escrevia. Afinal isto servia apenas de diário, de apontamento... um sítio onde ficassem registados dias importantes, fases engraçadas, "pérolas" dos piolhos, coisas minhas, no fundo banalidades de uma vidinha normal.

Mas fui andando e fui vendo que "vidinhas" como a minha há imensas!

No inicio o F. disse-me "ainda vais apanhar por aí algum tarado"... felizmente enganou-se!

Hoje o meu blog é uma companhia. É um elo de ligação a pessoas que não conhecendo pessoalmente, me fazem muita falta.

Se me perguntarem qual é mesmo o objectivo digo-vos que sinceramente não sei. Só sei que me sinto bem, que gosto de estar por aqui, que gosto dos meus novos amigos. E sinceramente o Migas não precisa de um objectivo, não precisa de uma meta. O Migas vai existir enquanto fizer sentido que ele exista... pode acabar amanhã.... pode durar 10 anos... não sei. Mas esta é só mais uma das muitas coisas que eu não sei.

 

 

Agora porque é que não deixo de ir ao blog da Estupefacta?

 

Porque ela se revelou uma amiga presente, sensivel e disponível. E além disso é uma grande mulher !!!

 

 

Ok! Agora isto tem regras...

 

- as que regem todos os outros desafios, seguindo a regra de bem viver na blogoesfera

- responder à pergunta e passá-lo a outros bloguistas num nº entre 7 e 9

- dizendo porque os seguem

- enviar selo do desafio

- matar a curiosidade e dizerem que procuram no blog de quem enviou

- obrigatório usar cinto de segurança ou capacete

 

 

E agora passo o desafio a:

- Thathys

- Bunny

- Daplanicie

- Guguinha

- Maedasara

- Procuro-me

- Nofimdoarcoiris

porque acho que o resto do pessoal já respondeu.

 

Tou...: Missão cumprida
tags:


Quinta-feira, 6 de Março de 2008

Bólide

 

 

Este principio de ano não tem sido nada fácil para os meus pais.

Primeiro foi a doença do meu pai.

Depois o condominio informou-os que tinham que desembolsar uma quantia extra de dinheiro para obras no prédio.

No passado fim de semana foram até ao Algarve ver como paravam as modas. No regresso o carro pifou. Eles vieram para casa de táxi (chique de doer) e o carro no reboque direitinho para a oficina.

Diagnóstico: o motor foi-se. Mais de 5000€ de arranjo.

A mim tinha-me dado uma coisinha má!

E a eles também pelos vistos. Telefonaram-me hoje a dizer que estava tudo resolvido.

Compraram um carro novo!!!

Passaram-se...

 

 

 

 

Tou...: Tá-me cá a parecer...


Quarta-feira, 5 de Março de 2008

Tou de molho

Meez 3D avatar avatars games

 

Isto calha a todos.

Tou de molho. A única coisa que me faltva mesmo era uma amigdalite. Doi-me a garganta, não consigo engolir,não consigo falar, doi-me o corpo todo...

Lá fiquei eu em casa. O que é que ia fazer ao emprego, com febre e tudo. Ora tenho frio ora tenho calor....

De manhã estive deitada o tempo todo, mas de tarde levantei-me para dar descanso ao colchão. Vim para a sala mas os programas da tarde são uma verdadeira chachada em 3 actos. Há um onde ta aquela coisa... o Castelo Branco... blhaack!

Sabem que mais?

Eu estou é boa para ir com os porcos!!!

Tou...: Doentita


Sábado, 1 de Março de 2008

Não é por aí

Nos ultimos tempos os noticiários têm sido recheados de protestos de professores, de professores em protesto e afins.

Uns por causa do novo estatuto, outros por causa da progressão na carreira, outros por causa da avaliação... enfim...

Ontem á noite, lá noticiava a SIC mais umas manifs de profs, aqui e ali, uma delas em Portalegre. Uma das razões desta manif eram, entres outras, os "horários sufocantes" a que os professores estão sujeitos...

Onde?!?!? Só se for mesmo em Portalegre porque aqui no burgo não é de certeza!

É preciso ter muita lata! A sério que sim! Uma das coisas em que os professores são previlegiados é sem dúvida no horário. Vinte e tal horas semanais na escola? Sairem no máximo às 6 ou 6 e picos? Nunca trabalharem aos fins de semana (ou então muito excepcionalmente num evento especial da escola, tipo festa de fim de ano)? Terem férias suplementares no Natal e Páscoa?

Claro que dizem que não. Mas na prática é assim que funciona.

Tenho professores na familia, tenho professores de quem sou muito amiga e esta é a realidade deles.

Há dias em que não dão aulas. Há dias em que têm aulas só de manhã ou de tarde. Há dias em que não gastam um  minuto do seu tempo a preparar aulas ou testes.

Gastam-no a ir buscar o filhos à musica, natação, judo e afins, gastam-no no ginásio, no cabeleireiro, gastam-no a dar explicações para ganharem mais uns cobres... duvido que em média dediquem à escola as 39 horas semanais que outros trabalhadores têm que dedicar ao trabalho.

E não é para ter pena! Sinceramente não tenho pena nenhuma. É a profissão que escolheram.

Tal como eles, também eu sou licenciada. Estive 6 anos na faculdade. Para lá pôr os butes, tive que arranjar uma média superior à média de qualquer curso de ensino. Trabalho há quase 10 anos e ganho praticamente o mesmo que um professor que trabalhe há tento tempo como eu.

Saio do meu emprego às 8 da noite. Trabalho aos sábados. E só não o faço aos domingos e feriados por sorte. Quando quero férias no Natal ou na Páscoa tenho que as descontar aos 22 dias uteis a que tenho direito. E não ando por aí a dizer que sou uma injustiçada!  Tal como não andam a maior parte dos portugueses, aqueles que têm sorte em ter um emprego.

Todos têm o direito de protestar. São livres de o fazer.

Mas que sejam coerentes nos protestos. Sob pena de perderem a credibilidade.

 

Tou...: Não é por aí...


Outubro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


Cuscar e espiolhar