Olha eu...

Frescos e fofos

Parabens Filho

Aficion

M de Maravilhosos Mini Mi...

A Criação

Avisem Roma

Imagem de marca

Puuffff

Hino

Só para verem como ele go...

Ora toma!

Memórias

Outubro 2013

Fevereiro 2013

Outubro 2012

Setembro 2012

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

tags

todas as tags


Sexta-feira, 20 de Junho de 2008

Parabéns Filho!!!

Glitter Graphics

 

 

Hoje é o mais pequenino que faz anos!

Nem quero acreditar que o meu bebé já tem 5 anos.

 

Amo-te muito filho.

E o que mai quero é ver-te feliz.

 

Um beijo do tamanho do mundo.

Tou...: O meu bebé tem 5 anos...


Quinta-feira, 12 de Junho de 2008

Não tou cá

O computador continua de atestado.

O Piolheco foi no passeio da escola...

Eu estou de neura... pelo menos até logo à tarde...

Galinhices de mãe...

É p'ro que estamos.

Tou...: O meu bebé foi passear


Domingo, 18 de Maio de 2008

Será que...

... isto vai fazer parte do novo acordo ortográfico?

 

Ontem ao deitar o Piolheco:

 

- Já fizeste xixi?

- Nâo me apetece.

- Vais fazer xixi na cama.

- Não vou não.

- Então como é que vais fazer?

- Quando me apetecer eu "pêdo"!

 

Nem lhe disse mais nada.

Saí dali a correr para me escangalhar a rir na sala.

 

Tou...: Oooops!


Terça-feira, 8 de Abril de 2008

(de)Formação

Escrevi este post durante a tarde para partilhar convosco o meu dia. Ora então aqui vai.

 

"Hoje lá fora não brilha o sol. O dia não está lindo nem convida ao passeio. Está um dia chuvoso, com muito vento mas sinceramente está-se melhor lá fora do que aqui.

Começo a ficar muito fartinha disto. Desde que inventaram esta história da formação continua que não há descanso. Enfiam-nos numa cave, a ouvir falar, falar, falar. Todo o dia, quase sem descanso.

Os nomes dos formadores são sonantes, alguns até vão à televisão (!) mas sinceramente... não há pachorra!

Não duvido do saber das pessoas, mas o jeitinho para falar deixa muito a desejar. Quando vos escrevo isto já perdi há muito o fio à meada... esperem... o Sr. Prof. Dr. está a piar! A sério, a piar.

Piu, piu, piu... piu, piu... piiiiiiiuuuuuu

 

Acho que está a tentar imitar um aparelho qualquer. Se eu pudesse fazer o gosto ao dedo levava já uma fisgada no bico!

Ai que soninho! Já cá cantam 3 cafés e continuo com sono!

E eu que tenho tanto que fazer  lá fora. Tenho que ir trocar um toalheiro. Vocês acreditam que eu consegui comprar um toalheiro que não tinha peças suficientes para pendurar? Devia haver lá 20 embalagens e eu trouxe a que tinha defeito. É bem feito! Também estou a desancar em cima dos formadores. Foi um castigo de "prevenção".

Prevenção é uma palavra bonita. Já a devo ter ouvido 10548 vezes hoje.

Finalmente o Sr. Prof. Dr. calou-se. Ouço sinos e cânticos celestiais, a vida é bela.

Sol de pouca dura. Já aí vem outra começar a falar.

 

"Mais uma volta mais uma corrida no carrossel maravilha. Meninos metam as fichas ao segundo sinal"

 

Se chegarem a ler isto é sinal que eu não me atirei ao mar. São situações destas que fazem as pessoas que se consideram normais terem pensamentos suicidas. Ou melhor... homicidas!

Se virem no telejornal que uma pacata mãe de família matou um formador à paulada, fui eu!

Eu! Eu! Eu!" 

 

 

Mas o melhor foi chegar a casa e ver o meu F. armado em McGiver a pôr um busca polos num casquilho do candeeiro para ver se tinha corrente. Descobriu da maneira mais dificil que sim, o casquilho tinha corrente. O busca polos derreteu e fez disparar o dijuntor.

Deviam ver o Piolheco a correr "Ó pai, ó pai. A luz da sala gastou-se!" e ainda " Quando eu vou ser da tua idade (do irmão) também vou ter um quadro!" 

Tou...: ninja assassina de formadores


Terça-feira, 25 de Março de 2008

Números

Nova do Piolheco:

 

-Sabem como se lê um 1 e um 4?

 

Pensem...

 

Mais um bocadinho..

 

Um 1 e um 4 lê-se... DEZAQUATRO!!!

Tou...: Pôs tá claro!
tags:


Segunda-feira, 18 de Fevereiro de 2008

Sofia

Agora é oficial!

Tenho uma nora e chama-se Sofia!

Haviam de ver o Piolheco do alto dos seus 4 anos... Sofia isto... Sofia aquilo.... Sofia para cá... Sofia para lá.

E ele diz que lhe dá beijinhos. E faz festinhas...

Hoje de manhã ele lá ficou a choramingar na sala de acolhimento, ao colo de uma das irmãs. E ao lado dele, lá estava a Sofia, a fazer-lhe festinhas, a consolá-lo.

Ia morrendo a rir! Saí mais depressa para não me escangalhar. É que ele fica furioso quando alguem de ri do assunto. O caso é sério, e pelos vistos ele tem as melhores da intenções...! 

Mas a melhor foi a que ele fez no Dia dos Namorados...  roubou a rosa vermelha que o avô ofereceu à avó para me dar a mim. E quando me deu a flor, disse-me que no dia seguinte a ia levar para o colégio para dar à Sofia! Ou seja, a rosa vermelha do meu sogro ia parar às mãos da namorada do neto. Não acham que surge aqui um novo conceito de reciclagem?

Pelo sim pelo não, escondi a rosa no outro dia. É que não sei muito bem até que ponto as freiras iam achar graça à brincadeira...

Acham que eu já estou a ser a "sogra mejera"?!?!!?!? 

Tou...: Tenho um Piolho apaixonado


Domingo, 13 de Janeiro de 2008

E eu mãe?... Já fui assim?

O Natal trouxe uma enxorrada de novos brinquedos aos Piolhos. Acho que deve ter sido assim na maioria das casas.

Nos dias logo a seguir ao Natal todos lhes perguntavam:

-Gostaste da prenda da avó (prima, tia, amiga...)? - e ficavam com cara de caso quando eu lhes respondia que ainda nem tinham brincado com ela. Mas não tinham mesmo! Tinham-lhe mexido, mudado de sítio, olhado e remirado mas brincar mesmo, disfrutar mesmo ainda não tinham tido tempo. Nós é que às vezes nos esquecemos que brincar dá trabalho e leva tempo! Tem que se imaginar o que se pode fazer com os novos brinquedos e passar uma tarde ou uma manhã "de roda" dos novos carrinhos para lhe tomar o "gosto".

 

Uma das prendas que receberam foi um DVD chamado "O Príncipe do Egipto" que fala sobre Moisés e o livro do Êxodo. Moisés foi colocado num cesto no Nilo pela sua mãe e foi encontrado pela mulher do Faraó (esta é a versão do filme e eu agora não vou lá abaixo confirmar na Bíblia). No filme fizeram um bebé mesmo giro! Gordinho, fofinho... e eu lá deixei escapar um "Que fofinho!" Foi o mote que o Piolhito precisava.

 

-Ó mãe eu já fui assim?

- Assim como?

- Fofinho e pequenino.

- Sim claro que foste - claro que foi! Era o bebé mais lindo do mundo! Era o meu...

- E eu não sei como eu era... tu tens fotografias?

-Tenho. Tu sabes que sim. Queres ver?

 

E fui buscar o album de bebé do Piolhito.

Bateu cá uma saudade! Parece que ainda ontem lhe tirei as fotografias que estão rotuladas como "Primeiro" de tudo (primeiro biberon, primeira papa, primeira sopa, primeiro Natal, primeiro Carnaval, primeiro aniversário, primeiras férias) e já passaram quase 7 anos. O  tempo voa... tanto que até assusta!

Um dia destes acordo e já nem meninos tenho! Tenho adolescentes enfiados num mundo só deles ou homens que ainda me trazem noras e netos cá a casa e eu vou ficar a pensar que não encontrei o botão que pára o tempo...

Tou...: Eu quero os meus bebés...


Sexta-feira, 11 de Janeiro de 2008

Quem não tem cão

Já há algum tempo que noto que o Piolheco fica chateado quando o irmão lhe demonstra que já sabe ler. Porque saber ler abre ao mais velho uma quantidade enorme de portas que para ele ainda estão fechadas. Ele já lê as placas das estradas, os rótulos, os livros...

Nos dvd's os menus já são escolhidos como deve de ser... o que dá muito jeito porque eu já estava cansada de tentar perceber menus em "svenska" e "polka".

E depois há a Internet. Já sabe escrever o nome dos sites (o que está a deixar-me os cabelos em pé), fazer links e decorar endereços electrónicos.

Todo este mundo fica muito longe do mais pequeno, que por não querer ficar atrás resolve o problema de duas formas: desenrascanço ou inventando!

No passado fim de semana, andava eu com ele num shopping, enquanto esperava que o mais velho saisse de mais uma festa  de anos naqueles sitios onde se pula e come pizza com coca-cola, quando ele viu o cartaz do filme "da abelha".

Não sei o nome. É um dos filmes de animação que saiu agora no Natal, com uma abelha, e que eles foram ver com a tia. O filme é dos mesmos estudios do Shrek (que ele adora!) e do Madagáscar (idem, idem) e estão os dois mencionados no tal cartaz.

 

- Mãe, mãe... olha! O filme da abelha!

- Sim...

- Eu fui ver mãe, com a tia!

- Pois foste.

- E também está na Internet. É mãe tá mesmo. E eu sei. Tá em abelha ponto ponto ponto pt shrek.

 

Coloquem nos vossos favoritos

 

abelha . . . pt shrek

Não é do melhor?

  

Tou...: internética


Quinta-feira, 8 de Novembro de 2007

Peixeirada

 

 

Isto só a mim!

Pensava eu que a história dos famosos "P1"s para o Piolheco estava encerrada, mas enganei-me redondamente!

Já vos tinha dito que o médico não tinha passado todos os exames. Porque o computador não deixava.

Pois.. tá bem tá!

Mexi alguns cordelinhos, tipo falar com a amiga da irmã da amiga, que por acaso também é médica noutro Centro de Saúde, e descobri que realmente se podia passar o tal exame.

Fiquei então com o problema de ter que ir ao Centro de Saúde ensinar ao médico como se fazia. Tendo em conta que o meu médico até é daqueles que não é bom de assoar, isto ia ser uma tarefa daquelas!

Lá fui eu, com paninhos quentes, a dizer-lhe que sabia que o meu marido já lá tinha estado mas que tinha falado com o laboratório, e que aquilo eram oito análises diferentes, imunológicas, logo muito caras e que se o computador não colaborava o melhor seria mesmo, talvez... quem sabe... passar os exames à mão. Resultou! Andei atrás de alguem que me arranjasse os impressos e estava toda feliz. Eram 9h e ia sair dali cedinho e com os papéis na mão.

Lorpa!

Chega uma mulherzinha, pipiforme (que é como quem diz em forma de pipa), que se põe a falar muito alto a dizer que o médico é maluco, que não sabe o que faz, que lhe tinha passado uma receita mal, e que agora tinha que lha passar bem... um escabeche e uma gritaria daquelas.

Passado pouco tempo a secretária do médico chamou a senhora ao consultório e aí é que foi o bom e o bonito. Só ouvimos gritos, murros na secretária e o médico a pôr a mulher na rua em altos berros. Ora a dita senhora estava acompanhada de duas irmãs e de uma sobrinha (coitadinha cheia de dores por causa de uma otite)- e familia que se preze é toda feita pela mesma forma-que decidiram entrar pelo gabinete e desatar também a gritar com o médico. O homem passou-se e deu à sola dali. Veio a secretária e o segurança e elas naquele escarcéu. Ainda houve uma delas que deu um murro à secretária que de certeza vai dar direito a hematoma. O segurança saiu dali e passado algum tempo, apareceu a GNR. Escusado será dizer que a gritaria continuou e que já havia gente dos outros módulos a ver o que se passava. E depois há sempre aquelas alminhas que em vez de estarem caladas começam logo a cacarejar que os médicos fazem o que lhe apetece, que são isto e aquilo e lá vão deitando uma achitas para a fogueira para terem a certeza que o barulho não acaba.

E a gritaria continuava desta vez para avisar todos que não tem medo da guarda e que pode vir quem vier...

E o resto de pessoal a ver que ia ficar sem médico... e sem consulta... e sem P1s... ai a minha vida.

Foram os GNR falar com o médico. Não se tinha ido embora, mas só voltava às consultas quando aquelas doidas deixassem de fazer barulho. Não havia condições para consultar ninguem.

Lá vieram os desgraçados dos guardas trazer o recado. Que nem pensar em sair dali diziam elas. Mas foi aqui que os outros doentes começaram a dizer que era melhor elas irem porque quem estava queria consulta. Ia havendo molho outra vez... só não houve porque estavam ali os guardas!

Lá foram elas... barafustando... a prometer que voltavam...mas foram. E o médico voltou. E eu consegui os P1. E bazei dali antes que elas voltassem.

Já viram? E ainda dizem mal do SNS? Hoje devia ser o dia temático "Porrada de Saúde"...

Só espero que da próxima vez apanhe o dia "Saúde em Inglês". É que chazinho e scones sempre são mais agradáveis. E vendo bem as coisas eu até estava em jejum.

 

 

Tou...: Mas isto é assim que funciona?


Segunda-feira, 5 de Novembro de 2007

Não! Não sou a única.

Este post começa à moda dos "Chutos". Tal como eles diriam "Não, não sou o único."

Hoje senti que felizmente não sou a única naba das redondezas a não perceber patavina de computadores.

Mas, sinceramente, quando não se percebe certas coisas, que às páginas tantas até nem fazem falta, a coisa vai. Agora quando há um tipo, que por acaso até é o meu médico de família, que não me passa a credencial para um exame porque o computador não conhece o exame... aí eu fico mesmo fula!

Foge!!! Trabalhar com computadores não se resume a carregar no enter, gaita! Deve haver uma teclazita, algures, exactamente do tamanho das outras que dê acesso ao referido exame. Eu aposto que o computador o conhece. Ele é que não conhece o computador!!!

Fiquei pior que estragada. Eh pá fiquei mesmo!

Fomos lá na 6ª feira. Não podia ser. Foi lá o F. hoje, gastou a manhã inteirinha no Centro de Saúde e os exames que o otorrino pediu não vieram todos! E se quisermos, voltamos lá daqui a dois dias, porque amanhã não pode ser. E o pessoal nem trabalha! Acham que eu tenho cara de desocupada ou reformada para passar metade da vida lá no Centro? Eh pá não tenho. É que não tenho mesmo!!! Mas os exames fazem falta. E ainda por cima são para o Piolheco...

Então não é que o meu menino, se calhar, vai ter que ser operado? Se calhar... mas cá para mim vai calhar mesmo. Tadinho do meu menino. Mas também desde Setembro já fez uma amigdalite e duas otites.

Vamos ver... agora o importante é conseguir as credenciais. Ou então pago de uma vez o exame e que se lixe o médico!

(Eu normalmente não falo assim das pessoas, mas hoje estou particularmente furiosa. Nem vos contei o fim de semana... Fica para a próxima!)

 

Tou...: Furiosa


Outubro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


Cuscar e espiolhar